NOTÍCIA JORNAL DO COMÉRCIO

Diretor leva pedrada na cabeça no Complexo Prisional do Curado

Carlos Alberto Cordeiro dirige o Presídio Agente de Segurança Penitenciária Marcelo Francisco de Araújo (Pamfa). O estado de saúde do gestor é estável

Durante a noite, uma nova briga, desta vez no Pjalb, deixou um interno ferido com um tiro de raspão no braço / Foto: Alexandre Gondim/ JC Imagem

Durante a noite, uma nova briga, desta vez no Pjalb, deixou um interno ferido com um tiro de raspão no braço

O diretor do Presídio Agente de Segurança Penitenciária Marcelo Francisco de Araújo (Pamfa), Carlos Alberto Cordeiro, 48 anos, levou uma pedrada na cabeça quando tentava separar uma briga entre internos da unidade na tarde desta quinta-feira (15). O Pamfa é um dos presídios que integram o Complexo Prisional do Curado, na Zona Oeste do Recife.


De acordo com a assessoria de comunicação da Secretaria Executiva de Ressocialização (Seres), Cordeiro estava acompanhado de agentes penitenciários quando o incidente ocorreu. O diretor foi encaminhado para o Hospital Otávio de Freitas (HOF), no Sancho, e de lá seguiu para o Hospital da Restauração (HR), na área central do Recife, onde realizou uma série de exames. O gestor passa bem.

Ainda hoje, só que à noite, uma nova briga entre detentos do Complexo do Curado, desta vez no Presídio Juiz Antônio Lins de Barros (Pjalb), deixou um dos internos feridos. Segundo a Seres, o preso foi atingido de raspão no braço por um disparo de arma de fogo, socorrido e encaminhado para o HOF. O estado de saúde dele é estável.

O Preso baleado foi Felipe Carlos Mesquita da Silva, Vulgo: Felipe Gaibu.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

Verifique também

Fechar
Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar